Você sabe o que é?

Tokenismo?

Tokenismo vem de "token" que significa "símbolo". Na prática ele funciona como uma inclusão superficial de minorias em espaços, para dar a impressão positiva de diversidade, quando na realidade não é bem isso que acontece.

Scribbled Arrow

Diversidade, uau

Na cultura pop, token é aquele personagem que faz parte de uma minoria, mas que é só isso mesmo. Esse personagem não tem história, nenhum tipo de background, têm pouco ou nenhum desenvolvimento, ou seja, tá ali para “cumprir cota”.

Representatividade significa representar politicamente os interesses de determinado grupo, classe social ou de um povo. Ou seja, para que a representatividade aconteça em uma narrativa, aquele personagem precisa ter um propósito.

Já tokens são representações rasas daquelas minorias, que além de tirar toda a individualidade daquele personagem, perpetua estereótipos, o que acaba mais atrapalhando do que ajudando nos esforços que buscamos em representatividade.

Uma evolução do Tokenismo e que muitas vezes pode se confundir com representatividade, é quando vemos o token em um posição de autoridade.

Sabe o Morgan Freeman como Deus em “Todo Poderoso”? Ele é ó unico personagem negro do filme e embora seja Deus, ele não tem nenhum tipo de desenvolvimento.

Em Stranger Things, vemos o tropo do tokenismo sutilmente sendo subvertido. Lucas, no início da série, era apenas o amigo negro do grupo, meio chato e zero relacionavel.

Conforme as temporadas avançam, questões raciais são debatidas e aos poucos Lucas não só se torna um personagem chave para a história, mas o mais maduro do grupo. 

LEIA TAMBÉM

White Dotted Arrow
White Dotted Arrow
Instagram

Me siga em: