Nasce Uma Estrela

Provavelmente em algum momento do final do ano passado ou do começo desse ano você já escutou ~ I’m off the deep end, watch as I dive in… I’ll never meet the ground ~ ou ~ In the shallow, shallow… We’re far from the shallow now ~, afinal, a trilha sonora de ‘Nasce Uma Estrela’, do diretor estreante Bradley Cooper, está tocando em todos os lugares!

No filme, Jackson Maine (Bradley Cooper) é um cantor famoso de longa carreira que tem uma vida muito turbulenta por causa de problemas com drogas e álcool. Quando encontra sua “alma gêmea”, Ally (Lady Gaga), tudo parece mudar, mas a jovem ascende ao estrelato e a vida amorosa e trabalho de ambos começam a convergir.

Durante 2 horas e 14 minutos de musical é possível perceber como as palavras “alma gêmea” fazem sentido, pois a interpretação e química de Cooper com Gaga é incrível. Ambos possuem emoções muito transparentes durante toda a película e isso faz com que a energia do filme deixe seus espectadores extremamente atentos aos momentos compartilhados entre os artistas.

Obviamente, a trilha sonora é uma delícia de escutar, porém, a surpresa é perceber a obra como uma totalidade em questões técnicas muito bem apuradas. A cinematografia (Matthew Libatique, que também fez a impecável fotografia de ‘Cisne Negro’, de 2010), por exemplo, é profundamente desenvolvida para ajudar a interpretação do elenco, então se torna perceptível que toda a produção se preocupou em fazer seu melhor.

Outros aspectos importantes do longa são as questões discutidas nele, como dependência, vício, doença mental, fama e sucesso. A elaboração dessas questões no enredo são muito bem colocadas e é significativo, pois demonstra uma versão mais real de tudo isso, sem aquela idealização que muitas pessoas fazem quando pensam sobre esses assuntos, como se fossem coisas distantes e que, na realidade, não são e precisam ser faladas com mais frequência.

Atualmente a produção contém 8 indicações ao Oscar 2019, incluindo Melhor Filme, Melhor Ator, Melhor Canção Original e Melhor Atriz, dando para Lady Gaga sua primeira indicação ao Oscar nessa categoria. Ainda que não veja esse ganhando como Melhor Filme em comparação aos outros indicados, entendo o motivo de estar nessa categoria pelo trabalho primoroso de toda a equipe.

 

Curiosidades

Bradley Cooper conheceu Lady Gaga pessoalmente um dia após ver uma apresentação da cantora em um evento que ambos estavam, onde ela cantou ‘La Vie En Rose’, segunda música do filme. No dia seguinte ele pediu para ir à casa da cantora e ela contou que estava super nervosa para conhecê-lo.

Assim que começaram as gravações, Gaga perguntou se todas as músicas do filme que ela fosse cantar poderiam ser performadas ao vivo, pois ela não gostava quando via produções sem a real manifestação e emoção que uma apresentação traz (uma verdadeira artista, né, amores?).

Facebook Comments

6 thoughts on “Nasce Uma Estrela #Oscar”

  1. Olá!
    Estou bem curiosa para assistir esse filme, sérieo. Já li algumas críticas sobre e todas são positivas e falam dessa química entre os atores, quero muito assistir e espero gostar.

    beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *