Série Travelers – Seremos vegetarianos no futuro?

Quinta-Feira foi dia de série aqui no blog e, no final do texto da resenha de Travelers (link para o post aqui), eu comentei um assunto muito abordado na série, que foi o fato dos humanos do século XXI comerem animais. Isso me chamou muitíssimo a atenção e resolvi trazer o debate, já que hoje em dia muitas pessoas assistem séries e cada vez mais elas trazem assuntos importantes para a sociedade (como Sense8, The OA…) como um todo, seja sobre igualdade, respeito, religião e até a maneira de ver e de viver nesse mundo.

Travelers é uma série de ficção científica cuja base é: a Terra está vivendo uma extinção no futuro e nossas tecnologias futurísticas foram capazes de conseguir transportar para o passado (mais precisamente para o século XXI) as consciências de alguns humanos para essa época, com a missão de salvar o mundo. Esses “viajantes” (o nome da série) precisam cumprir missões que são enviadas pelo Diretor (do futuro) e ainda tentar viver a vida daquele corpo que a consciência deles agora comanda. Eu falei mais detalhes lá no post então se você quiser ler primeiro a nossa crítica, vou deixar o link dela aqui.

Em alguns episódios, os Travelers ficam pasmos ao saber que os seres humanos do século XXI consomem alimentos que vem da morte de animais. Nunca reparei se outra série (principalmente futurística) aborda esse assunto, sabe? E isso me fez questionar se num futuro não muito distante, se as pessoas terão essa consciência de que existem alimentos que não vem da morte de um ser. O jeito como eles abordaram isso na série é bem simples e quase imperceptível, porém, se você estiver assistindo dando total atenção vai perceber que, em pelo menos 2 ou 3 episódios, eles abordam essa maneira de viver.

Foi até um susto porque, como disse anteriormente, nunca tinha percebido em outra série esse tipo de assunto sendo abordado, e tem uma cena em especial que não posso deixar de mencionar aqui. Um personagem já idoso, fazendeiro, acaba quase morto e a consciência de um humano do futuro entra na mente desse senhor. Aí esse Viajante está junto com os personagens principais para cumprir uma das missões finais e ele fala algo mais ou menos assim: “Fui na geladeira ver o que as pessoas dessa época consomem e vi algo com o nome bacon”. Ele ficou extremamente assustado quando ele percebeu que o bacon vem da carne do porco.

Isso é uma coisa a se pensar sabe, porque muito provavelmente no futuro da série, os humanos estão escassos de animais e por isso, há muito tempo eles não consomem mais, a ponto de nenhum deles sequer imaginar que um dia, no passado, as pessoas fariam isso. Eu estou realmente mais pensativa sobre o consumo de carne de animais, acho que isso é uma questão muito particular e foi extremamente importante a série dar essa importância. Estou extremamente pensativa sobre esse assunto e lendo bastante sobre o vegetarianismo porque a série me chocou a ponto de querer mudar um pouco os meus hábitos, porque a gente têm opções de alimentos que não provém da morte animal.

Travelers vai bem além e se você for assistir a temporada com calma, apreciando. A primeira temporada está todinha disponível na Netflix, então não deixa de perceber esses detalhes, sabe. Se você acha esse assunto importante e quer mais um motivo para tentar mudar o seu estilo de vida, de alimentação, vale a pena pesquisar e saber mais sobre o assunto. Acho importante não só trazer a série com várias tecnologias como a maioria das séries de ficção são, e ainda bem que mais e mais séries estão trazendo assuntos importantes para a sociedade. Se você também percebeu isso na série, deixe aqui nos comentários o seu ponto de vista. Se teve outras séries que também abordaram esse tipo de assunto, me indiquem também aqui no post porque com toda certeza eu vou assistir para saber mais sobre.

Facebook Comments

0 thoughts on “Série Travelers – Seremos vegetarianos no futuro?”

  1. Oi Alexsandra! Eu também vi isso na série e achei o máximo <3, parei de comer carne e derivados há 3 meses e foi a escolha mais feliz que fiz. Não deixe de assistir documentários como "A carne é fraca", "Cowspiracy", "Terráqueos", "Food Choices". Abraços, Jaque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *